Gran Canaria
GranCanaria.com El Tiempo Hoy Inicio
 

Os pacatos não chegam ao céu

Há pessoas muito comodistas. É verdade, querido leitor. Elas existem.

Há pessoas que se recusam a andar numa extensão de 5 quarteirões à volta da sua casa. Pessoas que não entendem que para chegar aos lugares mágicos têm que ser decididos. Decididos para alcançarem lugares que as outras pessoas consideram muito afastados.

Roque Nublo

É por isso que algumas pessoas são incapazes de percorrer a estrada curva que vai da agradável costa de Gran Canaria até ao cume da ilha.

E todas essas pessoas vão perder a oportunidade de se sentirem astronautas sem despegar do chão. Astronautas de excursão por Tejeda, a pequena povoação de Gran Canaria, onde se coexiste com um mar de nuvens. Sim, há pessoas que vão perder tudo isso.

Mas se você, querido amig@, pertence ao grupo dos inquietos, do selecto grupo daqueles que não conseguem ficar quietos durante muito tempo no mesmo sítio – mesmo que lhes ponham grilhões-, então, e só nesse caso, siga o nosso conselho.

Em Gran Canaria há uma estrada que começa na zona das praias, passa por povoações e mais povoações até chegar quase ao céu. Até aqui nada de especial. Mas logo a seguir começa a parte mais peculiar, porque a estrada continua a subir, a subir e vai deixando para trás as nuvens, e o céu cobre-nos quando chegamos a Tejeda.

E esta é a nossa história. Uma breve história que acaba deixando um pequeno conselho ao viajante: não deixe de conhecer a pequena povoação de Tejeda. A apenas um pouco mais de uma hora de viagem da costa, começa uma estrada que sobe tão alto que chega até ao céu (pode chegar a 2 horas, caso viajar com algum guloso que lhe peça para parar em San Mateo para comprar pão de ovo com açúcar).

Patronato de Turismo de Gran Canaria. Todos los derechos reservados.
Marco Legal