Gran Canaria
GranCanaria.com El Tiempo Hoy Home

A Ilha

 

Descobre Artenara

Artenara é o lugar ideal para apreciar os jazigos arqueológicos que exemplificam o modo de vida dos aborígenes canários. Nessa medida, a visita ao município tem de incluir um passeio pelo Complexo Arqueológico de Acusa, um dos conjuntos arqueológicos mais importantes do lugar, constituído por grutas habitacionais e fúnebres, ou uma visita às Grutas de Caballero, local de refúgio dos pastores aborígenes e um significativo complexo arqueológico, onde as grutas nos oferecem uma simbologia particular dos aborígenes canários.

A Gruta de Los Candiles é outra das visitas habituais. Situada num enclave da Montanha de Artenara, a sua importância reside na decoração das paredes, em que se podem apreciar uma série de pinturas rupestres.

A visita à Eremita da Virgem de La Cuevita é também imprescindível, visto estar escavada numa falha e a 400 metros da parte antiga da povoação. Data do século XVIII e possui todos os componentes necessários para o culto religioso: altar, púlpito, confessionário e coro: tudo isto trabalhado na própria rocha. A única imagem da eremita é a Virgem de La Cuevita, que é o centro de uma enorme devoção por parte do município e de toda a ilha.

A Igreja de São Matias é o lugar onde se encontra a actual Paróquia de Artenara. As suas origens remontam ao início do século XVII, mas, em virtude de inúmeros conflitos e negligências por parte das autoridades, o novo templo começou a ser construído na segunda metade do século XIX. É de destacar neste edifício as imagens da Virgem do Rosário, a Virgem das Dores, São Matias e São João.

Quanto à visita a monumentos religiosos e históricos, é de mencionar ainda a Eremita da Candelária, em Acusa, que no século XVII estava assentada numa gruta, até que foi substituída pela actual eremita, no ano 1679. Em 1960 foi construída a barragem da Candelária, deixando a igreja coberta pelas águas, o que fomentou a construção da eremita hoje existente. Possui um conjunto de imagens de grande valor: a Virgem da Candelária, a Imagem do Santo Cristo Crucificado, restaurado recentemente, Santo António de Pádua, o Menino Jesus e São Brás.

O meio natural de Artenara é uma das principais atracções do município, que está integrado no Parque Natural de Tamadaba, uma área florestal com uma flora bastante variada e de grande interesse no que diz respeito às espécies de aves que se podem encontrar. O impressionante Pinar de Tamadaba é a zona natural de maior valor natural do município e de toda a ilha. Estende-se ao longo de 8 quilómetros quadrados e oferece umas vistas espectaculares. O visitante pode apreciá-las através de vários itinerários e caminhos Artenara.  Além do mais, a visita mais recomendada é a do Parque Rural de Nublo, de onde se podem observar vistas espectaculares, e apreciar além do mais o meio rural no seu estado mais puro.

As praias

Artenara é predominantemente um município interior. No entanto, é brindada a Oeste com uma zona de costa, onde é possível encontrar a única praia do município: Punta Gongora ou Punta de Las Arenas.

Trata-se de uma praia pouco conhecida na ilha, à qual é possível chegar a pé devido ao facto de não possuir acessos para automóveis. A sua areia é dourada, está localizada numa zona ventosa, razão pela qual é habitualmente uma praia com ondas fortes. Muitos visitantes aproveitam para fazer aí nudismo.

De compras

Em Artenara podemos encontrar um grande número de artesãos que desenvolvem a sua actividade no município. O visitante poderá fazer uma visita às suas oficinas e adquirir objectos de grande valor tradicional, nomeadamente peças de cerâmica popular e toalhas típicas canárias, feitas à mão.

Além disso, o município dispõe de um centro artesanal e de um centro de olaria na zona de Lugarejo, onde são expostos os trabalhos de artesanato feitos em barro. Os artesãos trabalham o barro tal como o faziam os antigos povoadores, cozendo-o a céu aberto e não num forno.

Gastronomia

Dado o facto se localizar num ponto alto, Artenara é um município em que se podem degustar pratos saborosos de carnes na brasa: cabrito, coelho em salmoura e leitão frito. Para petiscar, é possível provar um queijo da região (feitos com uma mistura de leite de cabra, vaca e ovelha), as papas arrugadas com molho, roupa velha, morcelas, etc.

Além disso, é também um clássico de Artenara o guisado de agriões.

Quanto à pastelaria do município, este oferece o tradicional bienmesabe, elaborado com amêndoa ralada, as trouxas recheadas, o maçapão, os bolos de coalhada ou as tortilhas de cabaça.

Patronato de Turismo de Gran Canaria. Todos los derechos reservados.
Marco Legal